bem-vindo

AO ÚNICO, VERDADEIRO, ORIGINAL!

curso de medicina de emergência
desde 2002

tradição

0
Anos de história

experiência

+ 0 Mil
Alunos Formados

qualidade

0 %
Avaliação bom e ótimo

QUESTÃO #6

Questoes_6

Homem de 67 anos de idade, com quadro de cefaleia e febre há 1-2 dias, evoluindo com confusão e alteração do comportamento há algumas horas. Glicemia capilar: 86 mg/dL. Exame físico: PA: 145 x 85 mmHg, FC: 92 bpm, FR: 18 ipm, SatO2: 95% e temperatura: 38,9 °C; não há déficit neurológico focal; fundo de olho sem papiledema. Tomografia de crânio: sem alterações relevantes. Líquor é coletado, com os seguintes achados: contagem de hemácias: 7/mm3; leucócitos: 345/mm3, com predomínio de linfócitos; glicose: 69 mg/dL; proteínas: 68 mg/dL; Gram: sem bactérias. Tratamento empírico é iniciado e uma ressonância de encéfalo realizada, mostrada a seguir. Qual dos seguintes fatores está associado a um melhor prognóstico neurológico?

Resposta

a. Dexametasona intravenosa.
b. Contagem de leucócitos < 500/mm3. c. Proteínas no líquor pouco elevada. d. Ausência de convulsões. e. Início precoce de aciclovir intravenoso (resposta correta)

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Dr. Herlon Saraiva Martins
Termos de uso & Política de Privacidade

© 2019 – Curso de Emergências – Todos os direitos reservados

×
×

Carrinho